a

Base para a remuneração do servidor é a meritocracia   A Comissão de Constituição, Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara aprovou, nesta terça-feira (21/11), o parecer do deputado Evandro Roman (PSD/PR) recomendando a admissibilidade da Proposta de Emenda à Constituição (PEC)

O desafio para os trabalhadores e o movimento sindical será enfrentar as adversidades que surgirão com as novas regras e criar capacidades organizativas e estratégias para resistir e avançar. Será necessário apostar que, diante das adversidades, o movimento será capaz

O Sindilegis (Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo Federal e Tribunal de Contas da União) tem alertado para os pontos mais nocivos da PEC 287/2016, especialmente a ausência de regra de transição, que foi retirada do texto aprovado na Comissão

Jornal Estampa
Próximos eventos:
  • qua
    22
    nov
    2017
    sex
    24
    nov
    2017

    V SEMINÁRIO CATARINENSE DE PREVENÇÃO AO ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO e I CONGRESSO SOBRE RISCOS PSICOSSOCIAIS E SAÚDE NAS ORGANIZAÇÕES E NO TRABALHO

    Universidade Federal de Santa Catarina, campus Trindade
  • seg
    27
    nov
    2017

    Jornada de Lutas - Audiência Pública “O serviço público que queremos”

    Brasília
  • ter
    28
    nov
    2017

    Jornada de Lutas - Caravana em defesa do Serviços Públicos

    Brasília
  • qua
    29
    nov
    2017

    Jornada de Lutas - Entrega de ações coletivas ao Supremo Tribunal Federal (STF)

    Brasília
Artigos / Opiniões

Por Aldemario Araujo Castro   O governo mais fisiológico, mais elitista e mais envolvido nas práticas de corrupção dos últimos tempos, capitaneado por Temer, Meireles e Padilha, trama uma nova investida para

Defesa da aposentadoria deve ser o centro da mobilização   Qual a importância de se retomar a campanha em defesa das aposentadorias e luta contra a reforma da previdência? A grande mídia e

Por Leonardo Sakamoto ”Já chegou no osso.” O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, usou essa expressão para dizer que, em sua opinião, não é possível mais alterar a proposta de Reforma da

Por Leonardo Sakamoto   Quando gente inteligente nos chama de burro, sinto-me aquecido. ”Eu digo que o Congresso é soberano. No entanto, estamos dialogando e fornecendo cálculos. Não é uma questão de opinião política

Os artigos são de inteira responsabilidade do autor e não, necessariamente, representam opinião do Sintrafesc.

Notícias do Jurídico

LINKS PARCEIROS