a
HomeNotíciasCondsef/FenadsefCondsef/Fenadsef define calendário de atividades para os próximos meses

Condsef/Fenadsef define calendário de atividades para os próximos meses

A Diretoria Executiva da Condsef/Fenadsef realizou, nessa terça-feira (10/10), a sua reunião mensal para debater a conjuntura política, econômica e social brasileira e definir o calendário de atividades da entidade junto às centrais e movimentos sociais. A Condsef/Fenadsef participará de uma série de atividades que culminará, em 10 de novembro, com o Dia Nacional de Luta e Defesa dos Direitos dos Trabalhadores. Esse dia contará com greves, paralisações, manifestações e atos de repúdio ao governo golpista de Michel Temer e a implementação de sua agenda entreguista e de ataque aos trabalhadores. 

“O Brasil vive um dos momentos mais dramáticos da sua história. Estamos em pleno estado de exceção! Estão desmontando o Estado brasileiro, ameaçando a nossa soberania e surrupiando os direitos da população de forma tão assustadora que é preciso uma reação forte o quanto antes. Do contrário não sobreviveremos a esse ataque diário perpetrado por bandidos que tomaram o poder”, afirmou o secretário Geral da Condsef/Fenadsef, Sérgio Ronaldo.

Durante a reunião, ficou acertado que a entidade irá participar ativamente da Plenária Nacional das três esferas do setor público que está sendo convocada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT). A plenária irá reunir, entre os dias 19 e 20 de outubro, em São Paulo, representantes de servidores das três esferas (Federal, Estadual e Municipal) e das empresas estatais para definir estratégias e ações em defesa do serviço público, em combate ao desmonte do Estado, por meio das privatizações em curso, e contra a retirada de direitos dos trabalhadores brasileiros.

Entre os temas em debate, estará a Emenda Constitucional (EC) 95/16 que determina o congelamento de investimentos públicos pelos próximos 20 anos. Na ocasião, os presentes irão discutir formas de revogar a EC 95 e decidir sobre um novo calendário de atividades.

A Condsef/Fenadsef também irá participar do 30º Congresso Mundial da Internacional de Serviços Públicos (ISP), que acontece entre os dias 24 de outubro e 04 de novembro, em Genebra, na Suíça. A entidade enviará cinco diretores para o evento da federação sindical mundial que representa 20 milhões de trabalhadoras e trabalhadores que prestam serviços públicos em 154 países. Durante o encontro, serão trocadas experiências entre os representantes desses países e debatidas estratégias para combater a onda de conservadorismo e neoliberalismo, com redução do estado e corte de direitos trabalhistas, que avançou em diversos países do mundo, nos últimos anos.

Durante a reunião da Executiva da Condsef/Fenadsef foi tirado, ainda, o encaminhamento para a realização de dois seminários da entidade no próximo mês de novembro, em Brasília. O primeiro acontecerá nos dias 7 e 8 de novembro, sobre o Regime Próprio da Previdência Social. O segundo será, nos dias 10 e 11, sobre a negociação coletiva dos setores das empresas públicas da base da entidade: Ebserh, Conab, Valec, Imbel e Ceasa. Os dois seminários serão ministrados pelo Dieese.

Também será intensificada a orientação para que todos os sindicatos da base da Condsef/Fenadsef enviem representantes para participarem da entrega do abaixo assinado da campanha Anula Reforma, no próximo dia 09 de novembro, no Congresso Nacional. A campanha, lançada pela CUT, no último dia 7 de setembro, está arrecadando assinaturas por todo o Brasil para a apresentação do Projeto de Lei de Iniciativa Popular para revogação da antirreforma trabalhista e da terceirização do governo Temer. A Condsef/Fenadsef recomenda a todos os sindicatos ligados a entidade que continuem a coletar assinaturas junto aos seus filiados.

Por fim, todos os sindicatos da base da Condsef/Fenadsef serão convocados a integrar o Dia Nacional de Luta e Defesa dos Direitos dos Trabalhadores.

Fonte: Condsef/Fenadsef

Share With:

andrade@sintrafesc.org.br

Sem comentários

Deixe um comentário