a
HomeNotíciasServidoresSecretário do ICMBio com nomeação vetada por Santos Cruz reclama de ter trabalhado de graça

Secretário do ICMBio com nomeação vetada por Santos Cruz reclama de ter trabalhado de graça

 

Em seu Facebook o ex-secretário de Biodiversidade do ICMBio diz que trabalhou como “voluntário” e teve sua nomeação vetada pelo general Santos Cruz, da Secretaria de Governo

 

O ex-secretário de Biodiversidade do Ministério do Meio Ambiente, José Truda Palazzo Júnior, reclamou em um post nas redes sociais de ter trabalhado de graça para o novo governo, após ter tido sua nomeação vetada pelo general Santos Cruz, que comanda a Secretaria de Governo de Jair Bolsonaro.

Em 10 de janeiro, Truda participou ao lado do ministro Ricardo Salles e do presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Adalberto Eberhard, de um evento para comemoração dos 80 anos do Parque Nacional do Iguaçu. O governador do Paraná, Ratinho Junior, também estava presente na ocasião.

Na agenda do Ministério do Meio Ambiente, sob o novo governo Truda aparece pela primeira vez em 15 de janeiro de 2019 como partícipe da primeira reunião do Comitê de Governança do MMA para Alinhamento com a Subchefia de Ação Governamental da Casa Civil – SAG.

Truda é próximo de Adalberto, que, em um outro post em 17 de janeiro disse está muito feliz com a posse do amigo que comandará o ICMBio. O ex-secretário reclama também de um suposto rombo financeiro que sofreu, após, segundo ele, ter fechado as consultorias que atendia no mercado privado para trabalhar para o Governo.

Procurado pelo blog Truda não respondeu sobre os motivos do veto a seu nome até o fechamento da nota.

 

Fonte:  George Marques/Revista Fórum

Share With:

andrade@sintrafesc.org.br

Sem comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.